Contenção individual garante rentabilidade e segurança ao manejo de vacinação contra aftosa

Confira cinco dicas para otimizar a aplicação de vacinas e reforçar a lucratividade da fazenda

Enquanto o Brasil não recebe status de zona livre de febre aftosa, a vacinação é fundamental para garantir não somente a sanidade dos bovinos, mas também a redução de desperdícios em toda a cadeia. Lesões vacinais podem retirar até 1 kg de carne de um animal na hora do abate. Nesse sentido, o manejo individual para a aplicação da vacina exerce um importante papel nos resultados vacinais e na lucratividade da atividade pecuária como um todo.

A Beckhauser, empresa de equipamentos de contenção, que inova, industrializa e difunde tecnologia para uma pecuária sustentável, não só comercializa soluções que facilitam a rotina e os negócios dos pecuaristas, mas, desde a década de 90, assume o papel de orientar os produtores sobre a forma adequada de realizar os manejos, de forma a não estressar nem lesionar os animais.

“A nossa comunicação com os pecuaristas se dá num tom de instrução sobre como o manejo pode influenciar positivamente a redução de descartes e os resultados financeiros da propriedade, explicando a importância do equipamento de contenção individual para este processo”, explica o Gerente Comercial da Beckhauser Gustavo Lazarin.

Veja as 5 dicas mais importantes para o sucesso do manejo nas fazendas dos estados que fazem parte das etapas de vacinação contra febre aftosa.

1. Trabalhe com calma

A calma deve prevalecer na condução dos animais até o curral e em todo o manejo. Sob estresse, o bovino produz hormônios, como o cortisol, que provocam redução da eficiência imunológica da vacina;

2. Use a contenção individual

Vacinar o animal contido no tronco de contenção leva o mesmo tempo que a vacinação em brete coletivo e tem a vantagem de uma imunização de qualidade, com segurança para as pessoas e os animais, menos acidentes e contusões (dados comprovados por pesquisa do Grupo Etco – Unesp Jaboticabal, SP, de 2002);

3. Proteja a vacina

O manejo deve ser sempre em local coberto para evitar a inutilização da vacina, que não pode ser exposta a raios solares. Além disso, é recomendável evitar a vacinação em dias de chuva, reduzindo, assim, riscos de contaminação e de formação de abcessos. Não se esqueça também da conservação na temperatura indicada no rótulo do produto para garantir sua eficácia;

4. Cuide da higiene

Siga a recomendação correta no manuseio das agulhas, troca e higienização, a fim de evitar qualquer tipo de contaminação e minimizar o risco de abcessos;

5. Acerte no ponto

A aplicação da vacina deve ser feita no terço médio do pescoço do bovino, evitando lesões em carnes nobres como do posterior do animal.

As linhas de equipamentos da Beckhauser oferecem aos produtores uma variedade de possibilidades para um manejo de vacinação seguro e eficaz, com opcionais customizáveis de acordo com a necessidade de cada propriedade.

“A linha Total Flex, montada numa estrutura de monobloco, está no mercado desde 2016 e representa um grande salto no segmento de equipamentos de contenção, pois ela possui o conceito inovador de permitir aos clientes configurar seu produto da forma que melhor os atenda. Dessa maneira, os pecuaristas otimizam o equipamento para suas propriedades e podem evoluí-lo de acordo com o progresso do seu rebanho”, finaliza Lazarin.

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

Revista PecSite

NOSSOS PARCEIROS

Notícias Relacionadas

Notícias Relacionadas

Últimas Notícias

Últimas Notícias

Busca por palavra chave ou data

Selecione a Data

Busca por palavra chave ou data

Selecione a Data
AviSite
PecSite
SuiSite

Revista AviSite

CONFIRA OS DESTAQUES DA NOSSA ULTIMA EDIÇÃO

boi (1)

Ministério da Agricultura suspende vacinação contra a Febre Aftosa em seis estados e no DF a partir de novembro de 2022

A ação faz parte do projeto de tornar todo o país livre de febre aftosa sem vacinação até 2026. Página 20.

rp-1

Sistema de Gestão e Mobilidade à frente da Agroindústria 4.0

A transformação digital através de Sistemas de Gestão tem sido essencial para alavancar todos os negócios relacionados à agroindústria. Página 22.

 

 

rp2

Pesquisa auxilia na identificação de genes relacionados à resistência à babesiose bovina

O rápido diagnóstico sobre quais parasitos atacam os animais auxilia o criador a identificar o tipo de agente logo no início dos sintomas. Página 27.

rp3

Uso de tecnologias na pecuária contribui para reduzir metano e diminuir impacto no clima

Em 2021, durante a 26ª Conferência do Clima da Organização das Nações Unidas (ONU), a COP26, o Brasil assumiu o compromisso de reduzir 30% das emissões de metano até 2030. Página 40.

boi (6)

Estudo demonstra impactos socioeconômicos da recuperação de pastagens pelo Plano ABC

Além da mitigação de emissões, a tecnologia permitiu o aumento da renda do produtor rural e da produtividade nas pecuárias de corte e de leite. Página 36.

rp5

O condomínio de Produtores Rurais: As peculiaridades e os riscos assumidos

O agronegócio é uma potência no PIB (Produto Interno Bruto) brasileiro, sendo o único setor que continuou em crescimento durante a pandemia. Página 44.

rp6

Contrato a Termo: Conab lança modalidade de leilão para abastecer pecuaristas

Contrato a Termo: Conab lança modalidade de leilão para abastecer pecuaristas

O novo sistema pode ser usado tanto para garantir um preço fixo na compra com entrega futura quanto para assegurar a fixação de preços de acordo com termos pré-definidos em edital. Página 48.

rp7

Qualidade da água e sua influência no sucesso da pecuária

Elemento fundamental para a vida dos seres vivos, a água é um componente muito importante para a boa performance e para a saúde do rebanho. Página 30.

Fale agora no WhatsApp