Simpósio DSM de Confinamento mostra tecnologias para a produtividade e discute o momento do mercado

Ciclo de eventos da DSM, detentora da marca Tortuga®, traz especialistas renomados para ajudarem produtores a impulsionarem os resultados da pecuária intensiva

A DSM, detentora da marca Tortuga® de suplementos nutricionais para animais, deu início ontem, 18 de maio, ao ciclo de Simpósios DSM de Confinamento de 2022. Dividido em três etapas que serão realizadas em regiões separadas de acordo com a dinâmica comercial da companhia (São Paulo-Sul, Norte-Nordeste e Centro-Oeste-Norte), os encontros contarão com a presença de especialistas da área de Ruminantes da DSM, que apresentarão novas tecnologias em nutrição animal, manejo e demais práticas que ajudam produtores a melhorarem a produtividade e a eficiência do rebanho.

O primeiro encontro será realizado presencialmente na Feira da Cooprata, localizada no Parque de Exposições Virgílio Galassi, em Prata (MG), a partir das 17h30 desta quarta-feira. A abertura conta com palestras sobre “Tecnologias DSM para Confinamento — Performance e Lucratividade”, ministrada pelo médico-veterinário e consultor técnico comercial da DSM, Ivan Evaristo; e “Cenários e Desafios para o Confinamento em 2022”, conduzida por Thiago Bernardino de Carvalho, pesquisador do Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada, da Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz, da Universidade São Paulo (Cepea-USP).

A segunda etapa do Simpósio DSM de Confinamento acontecerá no dia 08 de junho de 2022 em Sinop, no Mato Grosso. Já a terceira etapa ocorrerá no dia 13 de junho de 2022, na cidade de Presidente Prudente, interior de São Paulo. “Queremos apresentar nossas soluções tecnológicas e resultados que o produtor pode alcançar com elas, além de discutir sobre o mercado atual”, explica o gerente da categoria Confinamento da DSM, Hugo Cunha.

Tecnologia comprovada no confinamento

O portfólio da marca Tortuga® traz inúmeras tecnologias que ajudam o produtor a tornar o rebanho mais rentável e produtivo, com destaque para os produtos da linha Fosbovi® Confinamento com CRINA® e RumiStar™, que geram, em média, uma arroba a mais por bovino confinado, e para a tecnologia Hy-D®, lançada em março de 2020, que é um metabólito específico de vitamina D3 que garante uma absorção mais rápida e eficiente dos macrominerais, elevando ainda mais resultados do confinamento. “Com o ganho adicional de uma arroba a mais por bovino, o pecuarista tem como resultado o equivalente a um animal a mais a cada 18 bovinos confinados”, conta Cunha.

Mas, além do ganho de peso adicional, outros benefícios comprovados pela aplicação das tecnologias da marca na dieta dos bovinos confinados são: eficiência alimentar, sem registro de problemas digestivos, gastrointestinais ou timpanismo; rápida adaptação dos animais; menor taxa de refugo de cocho; aumento do consumo de ração desde os primeiros dias de confinamento; eficiência na digestão; e menor incidência de animais com laminites e acidose.

E, sobre o uso do novo Hy-D® em sistemas de confinamento, Cunha destaca a produção de carne bovina de alta qualidade e em quantidade, com benefícios em termos de ganho de peso e rendimento de carcaça. “Pesquisas realizadas com Hy-D® indicam aumento do ganho de peso diário de carcaça (GMDc) de 20% junto com os produtos da linha Fosbovi® Confinamento com Crina® e RumiStarTM”, quando comparado a tecnologias convencionais.

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

Revista PecSite

NOSSOS PARCEIROS

Notícias Relacionadas

Notícias Relacionadas

Últimas Notícias

Últimas Notícias

Busca por palavra chave ou data

Selecione a Data

Busca por palavra chave ou data

Selecione a Data
AviSite
PecSite
SuiSite

Revista AviSite

CONFIRA OS DESTAQUES DA NOSSA ULTIMA EDIÇÃO

boi (1)

Ministério da Agricultura suspende vacinação contra a Febre Aftosa em seis estados e no DF a partir de novembro de 2022

A ação faz parte do projeto de tornar todo o país livre de febre aftosa sem vacinação até 2026. Página 20.

rp-1

Sistema de Gestão e Mobilidade à frente da Agroindústria 4.0

A transformação digital através de Sistemas de Gestão tem sido essencial para alavancar todos os negócios relacionados à agroindústria. Página 22.

 

 

rp2

Pesquisa auxilia na identificação de genes relacionados à resistência à babesiose bovina

O rápido diagnóstico sobre quais parasitos atacam os animais auxilia o criador a identificar o tipo de agente logo no início dos sintomas. Página 27.

rp3

Uso de tecnologias na pecuária contribui para reduzir metano e diminuir impacto no clima

Em 2021, durante a 26ª Conferência do Clima da Organização das Nações Unidas (ONU), a COP26, o Brasil assumiu o compromisso de reduzir 30% das emissões de metano até 2030. Página 40.

boi (6)

Estudo demonstra impactos socioeconômicos da recuperação de pastagens pelo Plano ABC

Além da mitigação de emissões, a tecnologia permitiu o aumento da renda do produtor rural e da produtividade nas pecuárias de corte e de leite. Página 36.

rp5

O condomínio de Produtores Rurais: As peculiaridades e os riscos assumidos

O agronegócio é uma potência no PIB (Produto Interno Bruto) brasileiro, sendo o único setor que continuou em crescimento durante a pandemia. Página 44.

rp6

Contrato a Termo: Conab lança modalidade de leilão para abastecer pecuaristas

Contrato a Termo: Conab lança modalidade de leilão para abastecer pecuaristas

O novo sistema pode ser usado tanto para garantir um preço fixo na compra com entrega futura quanto para assegurar a fixação de preços de acordo com termos pré-definidos em edital. Página 48.

rp7

Qualidade da água e sua influência no sucesso da pecuária

Elemento fundamental para a vida dos seres vivos, a água é um componente muito importante para a boa performance e para a saúde do rebanho. Página 30.

Fale agora no WhatsApp